[Dicas da Tec Toy] Black Belt – Master System

Black Belt para o Master System foi lançado pela Sega em 1986. É um jogo de rolagem horizontal com um único plano, onde o karateka Riki deverá atacar todos os inimigos que vem em sua direção, no estilo Kung Fu Master, que eu conheci no Atari 2600, mas que vem dos Arcades e também teve uma versão para o Nintendinho. A maioria é vencida com um golpe, mas eventualmente aparecem sub-chefes que precisam de mais que um golpe para serem derrotados.

No final de cada um dos cinco estágios, enfrenta-se um chefe. Nesse momento o jogo muda: a tela fica estática e os personagens aparecem em tamanho maior para uma luta um contra um, no estilo que ficaria famoso posteriormente com Street Fighter.

O jogo tem apenas 1 Mega, e traz gráficos e som bem bacanas para a época, ainda mais considerando que foi um dos primeiros jogos do Master System.

No Japão, este jogo se chama Hokuto no Ken e é baseado em um mangá e um anime de mesmo nome. Como a licença da Sega só valia para o Japão, o jogo foi bastante modificado para ser lançado nos EUA e no restante do mundo. Trocaram cenários, personagens, e algumas músicas, mas mantiveram a mecânica do jogo.

Black Belt foi lançado pela Tec Toy no Brasil em fevereiro de 1991. Ele estava disponível na locadora que eu frequentava, de modo que eu pude aluga-lo algumas vezes. Sua capa brasileira pode ser vista abaixo, conforme extraída do Tec Toy Wiki:

Capa da Tec Toy para o Black Belt - Master System.

Capa da Tec Toy para o Black Belt – Master System.

A história do jogo aparece na traseira da caixinha, como segue:

É o jogo de caratê mais real que você já viu em uma tela de TV. A história se passa após uma guerra nuclear, e os bandidos e suas gangs estão levando a melhor.

Use sua perícia de faixa preta para restabelecer a ordem. São vários rounds, onde você deve vencer os inimigos, líderes malignos. Cada um deles possui diferentes pontos fracos e fortes. Toda a sabedoria aprendida com os grandes mestres será necessária para acabar com a violência e restaurar a paz.

Note que a questão da guerra nuclear faz sentido no Hokuto no Ken, pois é a história do anime/mangá, e combina com os cenários vistos no jogo. No Black Belt os cenários foram alterados e a guerra nuclear parece não fazer muito sentido.

E agora a minha principal contribuição para a comunidade: o folheto que a Tec Toy me enviou com as dicas do Black Belt lá no início dos anos 90, época do saudoso Master Club.

O folheto segue consiste em uma única folha de formulário contínuo, com impressão matricial. Aparentemente é um formulário contínuo carbonado, daqueles que saiam múltiplas vias, pois há marcas do rolo da impressora no papel. Diferente de outros folhetos de dicas, este só tem as dicas mesmo. Sem ficha técnica, enredo,  objetivo, etc. Por outro lado, este incluí uma saudação “Caro amiguinho”, e um encerramento “boa sorte”.

Confira o folheto da Tec Toy com as dicas do Black Belt digitalizado:

Dicas Tec Toy - Black Belt - Master System.

Dicas Tec Toy – Black Belt – Master System.

Para completar, deixo um vídeo demonstrando o Black Belt e o Hokuto no Ken, mas vergonhosamente agora eu nem consigo mais passar da primeira fase. Preciso treinar mais, bem mais.

Os equipamentos utilizados para esta captura foram:

  • Elgato – Game Capture HD60 – para a captura do vídeo em formato digital em Full HD e 60fps.
  • Analogue Mega Sg – um Mega Drive em FPGA, com saída HDMI em 1080p (Full HD), que também executa jogos do Master System, do Game Gear, do SG-1000 e do ColecoVision.

Link permanente para este artigo: https://www.skooterblog.com/2019/08/24/dicas-da-tec-toy-black-belt-master-system/

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificar sobre
×