ago 18 2008

Sanyo Eneloop e GP Recyko: pilhas NiMH com baixa auto-descarga

Sanyo Eneloop

Pilhas NiMH Sanyo Eneloop

As pilhas Sony NiMH AA que uso em minha máquina fotográfica já estavam ficando velhinhas, um conjunto de 1700mAh que tenho desde 2002, quando comprei minha primeira máquina fotográfica digital e outro de 2300mAh que veio junto com um carregador inteligente, também da Sony, que comprei em 2004. Apesar de ainda funcionarem essas pilhas já não seguram toda a carga que seguravam quando eram novas, e além disso o carregador inteligente, aqueles com 4 células independentes e visor LCD, as vezes reclama que elas estão com defeito, apesar de conseguir carregá-las após algumas tentativas.

Saí então em busca de novas pilhas NiMH na DealExtreme, e acabei optando por esse pack c/ 4 pilhas AA da Sony de 2700mAh NiMH, cujo review farei quando chegarem. Por $17,90 dólares o preço não é dos melhores da DealExtreme, mas ainda é bem melhor que pagar R$ 58,00 em dois packs de 2 pilhas de 2500mAh no SonyStyle.

Mas a grande novidade (pelo menos para mim, já que elas estão por aí desde 2006) nessa pesquisa que fiz foram as pilhas Sanyo Eneloop e GP Recyko, pilhas NiMH cuja capacidade máxima (2000mAh) é um tanto menor que os últimos modelos de cerca de 2700 mAh desses mesmos fabricantes e seus concorrentes, porém elas tem uma grande vantagem: baixa auto-decarga (tradução de “low self-discharging” ou LSD, como as pilhas desse tipo são conhecidas lá fora), de acordo com o fabricante, a Sanyo Eneloop mantem 90% de sua carga após 6 meses sem uso, e 85% após 1 ano sem uso, ao contrário das NiMH tradicionais que perdem bastante carga se ficarem sem uso e portanto devem ser preferencialmente recarregadas logo antes do uso.

As pilhas NiMH de baixa auto-descarga permitem sua aplicação em aparelhos onde antes apenas as pilhas descartáveis eram recomendadas. Por exemplo: se utilizarmos pilhas NiMH comuns em controles-remotos, relógios e outros aparelhos de baixo consumo, elas provavelmente perderão mais energia por auto-decarga do que alimentando o aparelho. Lanternas também tem essa característica, você nunca sabe quando vai precisar dela, mas quando precisa ela deve estar pronta para o uso, o que exclui as pilhas NiMH comuns, já que você não vai ter onde recarregar as pilhas quando faltar energia e você precisar da lanterna, que ficou um ano parada e as pilhas NiMH totalmente carregadas que você deixou nela já não tem mais carga nenhuma. Outra vantagem é que essas pilhas são vendidas pré-carregadas, na verdade acho que todas as NiMH são, mas as tradicionais chegarão na sua mão com pouca carga se tiverem saído do fabricante há muito tempo, enquanto que as de baixa auto-descarga terão capacidade suficiente para poderem ser usadas sem precisar de uma carga inicial.

GP Recyko+

Pilhas NiMH GP Recyko+

Além disso, a Sanyo Eneloop também conta com uma menor resistência interna, o que resulta em maiores voltagens, o que é bom para aparelhos que usam altas correntes, como é o caso das câmeras digitais, o que pode resultar em um ganho de alguns milissegundos para carregar o flash, por exemplo. O uso dessas baterias em máquinas fotográficas digitais causa uma certa controvérisa, quem usa a câmera diariamente talvez se beneficie mais com os 700mAH extras dos conjuntos de 2700mAh tradicionais, mas quem usa mais exporadicamente provavelmente perderá esses 700mAh extras com a auto-descarga, e nesse caso as Eneloop são mais recomendadas.

A nova tecnologia também tem recebido reviews positivos em teste feitos por sites internacionais, no Brasil podemos esperar um desempenho um pouco menor devido as altas temperaturas, que aumentam um pouco a taxa de auto-descarga, mas ainda assim parece uma excelente opção. Meu próximo conjunto de pilhas provavelmente será um pack de 4 pilhas Sanyo Eneloop 2000mAh da DealExtreme, que por $16,50 dólares americanos (frete incluso) tem um preço compatível com o dos modelos NiMH de 2700 mAh sem a nova tecnologia. Quem não quiser comprar direto da China, pode comprar as mesmas pilhas na Atera, por R$ 25,00 o par (frete não incluso), mais caro, porém sem depender da morosidade da alfandega brasileira e sem correr o risco de ser taxado. Quem quiser economizar um pouco mais pode optar pelo pack de 4 pilhas GP Recyko+ da DealExtreme, por $13,80 dólares americanos (frete incluso).

Link permanente para este artigo: https://www.skooterblog.com/2008/08/18/sanyo-eneloop-e-gp-recyko-pilhas-nimh-com-baixa-auto-descarga/

Deixe um comentário

7 Comentários em "Sanyo Eneloop e GP Recyko: pilhas NiMH com baixa auto-descarga"

Notificar sobre
avatar
Ordenar por:   mais novos | mais velhos | mais votados
Douglas
Visitante
Douglas

Olá!

No caso se eu comprar o pack com 4 pilhas da Sanyo Eneloop no DealExtreme e comprar um carregador simples tbm da Sanyo, funcionará normalmente ou existe um recarregador específico para esse modelo de pilha?

Muito obrigado!

Douglas
Visitante
Douglas

Olá Fabricio!

Obrigado pelo esclarecimento! Estou prestes à comprar estes dois itens:

Recarregador:
http://www.dealextreme.com/details.dx/sku.13478

Pilha:
http://www.dealextreme.com/details.dx/sku.6807

O frete é msm grátis e a entrega é tranquila !?
Sabe como é né… qdo a esmola é mta, o santo desconfia, haha.

Abraços.

Carol
Visitante

Eu tenho um carregador simples da marca Goldship. Se eu comprar essas pilhas Eneloop LSD, elas funcionarão tão bem quanto se eu investir num carregador da Sony, por exemplo?
O q influi mais? A pilha ou o carregador?
Não uso em câmeras fotográficas e nem em videogames, uso apenas no mouse sem fio.
Tenho a impressão de q as minhas pilhas goldship 900 não “pegam” mais carga. Tenho duas q revezam há dois anos. Tem algo de errado, mas não sei o q é.

Desculpem a ignorância!!!
Obrigada pela atenção.

wpDiscuz