[Review] Microfone Fifine Technology K670 USB Condensador – AliExpress

O Microfone Fifine Technology K670 USB Condensador foi adquirido na AliExpress FIFINE Official Store. Este microfone se conecta diretamente à uma porta USB do computador, ou seja, ele já inclui sua própria interface de áudio. É plug-and-play e dispensa drivers. Tem um jack 3.5mm para fones de ouvido proporcionando um retorno sem latência e vem acompanhado de um suporte de mesa com 3 níveis de altura. É considerado uma ótima alternativa de baixo custo para quem não pode ou não quer investir em microfones mais caros, como os Blue Yeti.

Motivação e Escolha

Este é um equipamento que eu nem teria pensado em comprar, não fosse pela pandemia. Antes dela, microfone era algo de uso eventual, e sempre achei que o microfone que acompanha a Sound Blaster Zx, que adquiri lá em 2013, estava de ótimo tamanho.

Módulo de controle da Creative Sound Blaster ZX SBX PCIE Gaming Sound Card with Audio Control Module SB1506

Módulo de controle da Creative Sound Blaster ZX SBX PCIE Gaming Sound Card with Audio Control Module SB1506

Com o início da pandemia e o trabalho em casa, o microfone saiu de seu papel de coadjuvante e passou a ser um item essencial. E foi aí que o microfone da Sound Blaster Zx começou a mostrar suas deficiências. Sua captação é muito boa, mesmo com uma distância considerável, mas isso também significa que ele também pega as crianças que ficam o tempo todo gritando na rua (e desrespeitando o isolamento), os cachorros que latem, e os vizinhos barulhentos.

Sempre usei o recurso CrystalVoice ligado, atuando na redução de ruído e no cancelamento do eco acústico. Funciona muito bem, nada se ouve daquele ruído constante de captação mas, por outro lado, a voz fica um pouco abafada, sem vida. E os ruídos intermitentes, do tipo que mencionei antes, ainda são ouvidos.

CrystalVoice, da Sound Blaster Zx.

CrystalVoice, da Sound Blaster Zx.

Captar o som do ambiente todo é algo bacana em conversas com a família. É mais imersivo, fica uma sensação maior de estar “presente” quando ouvimos todos os barulhinhos. Mas para trabalho isso não é nada legal.

Cheguei a tentar outros microfones, como o de um headset da Logitech e um Dicsong DM-10, mas ambos se mostraram até piores que o microfone da Sound Blaster Zx.

DICSONG DM-10 - Microfone Condensador com Tripé

DICSONG DM-10 – Microfone Condensador com Tripé

Foi aí que me lembrei que há quase 20 anos eu comprei um microfone dinâmico Leson SM-58 para usar com a banda da época da faculdade. Conectei-o na entrada P10 do módulo da Sound Blaster Zx. Eis que o Leson SM-58 apresentou um som mais agradável, mais vivo. Por ser um microfone dinâmico, ele também capta bem menos ruído ambiente, e é mais direcional. Porém, mesmo com o volume no máximo e a placa configurada com ganho de +30dB, ele ainda ficava um pouco baixo.

O próximo item do passado a ser resgatado foi então uma mesa de som de 6 canais da Wattsom, que também era usada na época da banda da faculdade. Com ela eu conseguia controlar e aumentar o ganho do microfone, além de poder ajustar graves e agudos. A saída da mesa de som eu conectava no módulo da Sound Blaster Zx. E assim eu fui me virando por várias semanas.

Mas ficar segurando o Leson SM-58 o tempo todo também era incômodo. E lá fui eu resgatar outro item do passado: um pedestal da RMV, também usado na época da banda da faculdade.

Na verdade acho até que microfones dinâmicos são mais adequados para trabalho em casa. Artistas profissionais usam microfones condensadores apenas nos estúdios, com acústica muito bem controlada, sem ruídos, sem reverberação. Em apresentações ao vivo eles utilizam microfones dinâmicos porque isto é o que funciona melhor em ambientes onde os ruídos são inevitáveis.

Mas com a pandemia longe do fim e sem previsão para o fim do trabalho em casa, cada vez mais a parafernália toda instalada estava me incomodando. Atrapalha a movimentação, atrapalha a limpeza, atrapalha tudo.

Microfone Leson SM-58, conectado na mesa de som Wattsom, conectada ao módulo da Sound Blaster Zx. Precisa existir uma solução melhor que essa.

Microfone Leson SM-58, conectado na mesa de som Wattsom, conectada ao módulo da Sound Blaster Zx. Precisa existir uma solução melhor que essa.

Saí então em busca de uma solução melhor. Uma interface de áudio seria bacana. Poderia comprar um bom microfone comum e eventualmente poderia ligar também a guitarra ou o violão nela. Mas, sejamos realistas, isso seria um uso para lá de esporádico e na maior parte do tempo eu teria apenas um trambolho a mais na minha bancada. E o custo de uma interface de áudio e um bom microfone seria um investimento que eu não estava afim de assumir.

Uma solução mais prática e barata, ainda que mais limitada, era simplesmente um microfone USB. Eles já tem a própria interface de áudio, dispensando o circuito da placa de som. Assim a conexão é direta com o PC, sem intermediários.

Descartei logo as opções mais caras como o Blue Yeti e outras marcas famosas, afinal eu não sou radialista ou youtuber profissional para que um investimento desse nível se justificasse. De olho em marcas chinesas que apresentem uma boa relação entre custo e benefício, logo surgiu a Fifine como a mais forte candidata.

O Microfone Fifine Technology K670 é o top da marca e custa na faixa de R$ 300, um preço muito bom pelo que ele oferece. Vários reviews, nacionais e internacionais, fizeram muitos elogios a este microfone. Depois de assistir vários deles me decidi, era o Fifine K670 que eu queria.

Unboxing e Testes

O Microfone Fifine Technology K670 vem em uma caixa de papelão rígida, no estilo das caixas de telefones celulares. Dentro dela temos o microfone, manual, cabo USB, o suporte, e um adaptador.

De início instalei-o com o suporte no nível mais baixo, e coloquei-o na frente do meu monitor, de modo que ele ficaria em uma distância de 40~50 cm da minha boca. Ele tem uma agradável luz azul que fica acesa sempre que está conectado.

Confira as fotos e o vídeo do unboxing do Microfone Fifine Technology K670:

A interface do Fifine K670 é apenas USB 1.1, de modo que qualquer porta USB, mesmo as mais antigas, dão conta dele sem maiores problemas. Esses são os dados que obtive dele através do Sisoftware Sandra:

Root Hub: USB Port #1
Status : Device Connected
Manufacturer : FIFINE Microphones
Device Connected : FIFINE K670 Microphone
Device ID : VEN_3142, DEV_0001, PRT_00
Device Version : 1.0
Serial : REV***
USB Version : 1.10
Speed : Full (12Mbps)
Configuration Settings : 1
Open Pipes : 2
Transfer Type : Interrupt
Data Packet Size : 16bytes

O ganho do Fifine K670 é ajustado em dois lugares: no botão de volume do microfone e no painel de controle de som do Windows. Os dois ganhos são independentes e se somam. No Windows, o volume padrão é 79, que equivale a +14,7 dB. A gravação é em 2 canais, de 16 bits e 44,1 KHz ou 48 KHz, que equivalem à qualidade CD e DVD, respectivamente.

Logo percebi que mantendo o microfone sobre a mesa, mesmo com o botão de volume no máximo, o ganho não é suficiente para captar a voz em um volume bom. É necessário aumentar o ganho no Windows, mas aí os ruídos ambientes também se destacam e até mesmo a vibração da bancada, por causa do próprio PC, começa a ser um problema. A captação da voz fica muito boa, mais cheia, parecendo ocupar melhor as frequências, mas o ruído de fundo nos momentos de silêncio ficaram bem incômodos.

De início bateu uma decepção, será que o Fifine K670 seria pior que o microfone da Sound Blaster Zx? Mas aí me toquei que eu sempre usei o microfone da Sound Blaster Zx com a redução de ruído e a redução de eco acústico habilitados. Fiz um teste desligando essas opções e o ruído ficou insuportável, muito maior que no Fifine K670.

Hora de encarar a realidade: não dá para usar o Fifine K670 há 40~50 cm de distância, apoiado em uma mesa que vibra, jogando o ganho lá em cima e esperando que ele não capte ruídos. Peguei de volta o pedestal da RMV e instalei o microfone nele. Aí sim pude deixar o microfone próximo da boca, reduzindo o ganho e deixando o ruído num nível bem mais aceitável, mas ainda presente.

Meu próximo passo foi tentar encontrar alguma fora de filtrar o ruído do Fifine K670, assim como pode fazer a Sound Blaster Zx com qualquer microfone conectado nela. Existem muitos softwares de tratamento de áudio que fazem esse tipo de filtragem de maneira offline, mas eu precisava de um filtro atuando em tempo real, para usar em videoconferência, por exemplo.

Foi aí que encontrei o NVIDIA RTX Voice. Ele é um plugin que usa as GPUs NVIDIA RTX, como a minha RTX 2060 Super para fazer redução de ruído usando inteligência artificial. O resultado é fantástico! Os ruídos de fundo desaparecem completamente. Além disso, lembra dos vizinhos barulhentos, dos cachorros latindo, as crianças gritando? Tudo também magicamente desaparece. Até o som do teclado desaparece. Fica só a voz. E detalhe importante: o som não fica abafado e cheio de artefatos como nos filtros de ruído comuns.

NVIDIA RTX Voice.

NVIDIA RTX Voice.

A NVIDIA não dá detalhes, mas estou certo de que o NVIDIA RTX Voice usa redes neurais profundas (deep learning) para obter tal resultado. O recurso certamente veio para alavancar as vendas da linha RTX, mas há relatos de usuários que conseguiram instala-lo e usa-lo em placas GTX. Aparentemente ele só usa os núcleos CUDA. A frequência de GPU e memória, que tipicamente ficam em 300 MHz e 405 Mhz, respectivamente, na minha placa quando ela está ociosa, sobem para 1470 MHz e 6801 MHz, respectivamente, quando o NVIDIA RTX Voice está ativado.

Infelizmente é preciso abrir e fechar o plugin manualmente quando vamos utiliza-lo, pois ao mante-lo ligado sem necessidade ele aumenta o consumo de energia da GPU e impede o micro de dormir (entrar em estado de espera).

O NVIDIA RTX Voice é tão bom que eu pude até voltar o Fifine K670 para o pedestal que o acompanha e coloca-lo em cima da mesa, jogando o ganho lá em cima sem ouvir qualquer ruidinho. Mas eu não quis abusar do plugin e logo voltei o microfone para o pedestal da RMV, para falar mais perto e manter o ganho mais baixo. Depois acabei comprando um suporte articulado de mesa, assim eliminando o pedestal de chão da RMV, que atrapalhava a mobilidade e a limpeza.

Um recurso interessante do Fifine K670 é a saída P2, que permite conectar fones de ouvido para obter um retorno de áudio sem latência, evitando o efeito Ruth Lemos (Caramba, faz tempo! Estou ficando velho…). Mas há um inconveniente: o som dos fones de ouvido é controlado pelo botão de volume, o mesmo que controla o ganho do microfone. O ideal seria ter dois botões independentes: um para o ganho, outro para o volume. Eu já sabia dessa limitação quando comprei o Fifine K670, mas não me importei porque não costumo usar retorno.

A saída P2 se comporta como um dispositivo de áudio qualquer do Windows, inclusive dá para direcionar todo o áudio do PC para ele, e não só o retorno do microfone. Assim, uma forma de contornar a limitação do botão de volume é controlar o volume dos fones, ou o ganho do microfone, ou mesmo ambos, pelo painel de controle de som do Windows.

Rastreamento

Estas são as informações de rastreamento do pacote com o Microfone Fifine Technology K670 USB Condensador:

2020.08.05 14:08 (GMT-7): Delivery successful
2020.07.22 08:07 (GMT-7): Accepted by Last Mile Carrier
2020.07.16 21:40 (GMT-7): Arrived at destination country
2020.07.15 10:10 (GMT-7): Departed country of origin
2020.07.15 10:10 (GMT-7): Departed country of origin
2020.07.13 18:07 (GMT-7): Shipment arrived at country of origin post office
2020.07.13 01:14 (GMT-7): Shipment left country of origin warehouse
2020.07.12 13:53 (GMT-7): Shipment at country of origin warehouse
2020.07.12 13:23 (GMT-7): Shipment dispatched

E estas são as informações obtidas no site do Correios:

05/08/2020
14:05
[REMOVIDO] / SP	Objeto entregue ao destinatário
05/08/2020
10:33
[REMOVIDO] / SP	Objeto saiu para entrega ao destinatário
04/08/2020
13:32
INDAIATUBA / SP
Objeto encaminhado
de Unidade de Tratamento em INDAIATUBA / SP para Unidade de Distribuição em [REMOVIDO] / SP
30/07/2020
16:04
ITAPIRA / SP
Objeto encaminhado
de Unidade de Distribuição em ITAPIRA / SP para Unidade de Tratamento em INDAIATUBA / SP
30/07/2020
09:37
ITAPIRA / SP	Objeto mal encaminhado
Encaminhamento a ser corrigido
27/07/2020
09:20
INDAIATUBA / SP
Objeto encaminhado
de Unidade de Tratamento em INDAIATUBA / SP para Unidade de Distribuição em [REMOVIDO] / SP
24/07/2020
10:27
CURITIBA / PR
Objeto encaminhado
de Unidade de Distribuição em CURITIBA / PR para Unidade de Tratamento em INDAIATUBA / SP
24/07/2020
10:25
CURITIBA / PR	Fiscalização aduaneira finalizada
22/07/2020
08:25
CURITIBA / PR	Objeto recebido pelos Correios do Brasil

Informar nº do documento para a fiscalização e entrega do seu objeto. Clique aqui Minhas Importações
14/07/2020
14:33
HONG KONG /
Objeto encaminhado
de País em HONG KONG / para País em Unidade de Tratamento Internacional / BR

Informar nº do documento para a fiscalização e entrega do seu objeto. Clique aqui Minhas Importações
13/07/2020
18:38
HONG KONG / 	Objeto postado

Informar nº do documento para a fiscalização e entrega do seu objeto. Clique aqui Minhas Importações

Note que foram  24 dias corridos no transporte. O pacote chegou muito rápido ao Brasil, mas aí o Correios, com sua incompetência de sempre, fez a maior lambança enviando o pacote para a cidade errada e levando mais de uma semana para corrigir o erro. E não tinha nada de errado no endereçamento.

O vendedor também foi meio vagaroso no envio. Colocou um código de rastreamento, e depois de alguns dias enviou uma mensagem com outro código:

dear customer Since the logistics company did not scan the package in time, the original tracking number has become invalid We have arranged to send the package again, the new tracking number is: [REMOVIDO] I’m really sorry for the inconvenience. Any questions, please feel free to contact us.

Com isso o pacote acabou sendo efetivamente postado depois de 13 dias da compra.

Tabela-Resumo

Por fim, esta é a tabela-resumo da compra:

Nome do Produto: Microfone Fifine Technology K670 USB Condensador
Nome Original: FIFINE USB condenser microphone for computer professional recording MIC for Youtube Skype meeting game one line teaching 670-1
Loja: AliExpress FIFINE Official Store.
Valor: R$ 275,17
Valor atual: R$ 274,09
Forma de Pagamento: Cartão de Crédito Visa Internacional
Tipo de Frete: AliExpress Standard Shipping
Valor do Frete: R$ 68,60
País de Origem do Pacote: China
Data de Compra: 30/06/2020
Data de Envio: 12/07/2020
Data de Entrega: 05/08/2020
Tempo em Trânsito: 24 dias
Conteúdo Declarado: cable
Tipo de Conteúdo Assinalado: Others
Valor Declarado: USD $2.0
Tributado: Não
Valor Tributável:
Valor do Imposto:

Considerações Finais

O Microfone Fifine Technology K670 e o NVIDIA RTX Voice são uma dupla perfeita para mim. Com o Microfone Fifine Technology K670 consigo fazer gravações com uma qualidade muito boa, som muito bem captado, preenchendo bem as frequências, no nível que eu vejo youtubers profissionais fazendo. Exceto, é claro, pelos filtros compressores, equalizadores, etc. que precisam ser acrescentados, afinal microfone nenhum faz milagre sozinho, e os profissionais também usam uma boa porção de filtros.

O NVIDIA RTX Voice se encarrega de sumir com ruídos de captação por conta do ganho alto que me economiza a voz. E ele também some com todos os ruídos do ambiente, como crianças gritando na rua, cachorros latindo, vizinhos barulhentos, e até mesmo os sons de notificações do meu próprio PC e celular, os quais eu nem preciso mais me dar ao trabalho de desativar antes de fazer uma gravação ou participar de uma videoconferência.

Assim, estou bastante satisfeito com o Microfone Fifine Technology K670.  Estaria satisfeito sem o NVIDIA RTX Voice? Provavelmente sim, mas nesse caso eu talvez tivesse que investir também em melhorar a acústica do ambiente para evitar reverberação (abrir os armários, talvez), provavelmente teria que usar também um shock mount para evitar ruídos da vibração do microfone, visto que o meu novo suporte articulado está conectado na bancada. Por fim, teria que me conformar de ter a participação especial dos cachorros e das crianças da vizinhança nas minhas gravações e videoconferências. Mas cabe lembrar que qualquer microfone condensador bom precisaria dos mesmos filtros ou dos mesmos cuidados.

Compartilhe o artigo com seus amigos se você gostou 😉 . Se você também quiser fazer suas compras na AliExpress, direto de Hong Kong, clique aqui e boas compras.

0 0 voto
Article Rating

Link permanente para este artigo: https://www.skooterblog.com/2020/08/13/review-microfone-fifine-technology-k670-usb-condensador-aliexpress/

Inscrever
Notificar sobre
guest
1 Comentário
mais velhos
mais novos mais votados
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
N C

Melhor review sobre o Fifine K670 que vi.

No fim das contas acho que não vai deixar a desejar para o meu uso, porque queria ter uma qualidade de som mais limpo tanto para conferências quanto para gravar aulas, mas pela distância (cerca de 45cm) que ficarei do microfone, ele pode captar ruídos.

E infelizmente não consigo usar a solução da NVIDIA porque iria conectar o microfone em um Macbook Pro 2011, que não tem essa placa de vídeo necessária,

Valeu pela análise!

×
1
0
Gostaríamos de saber o que você pensa, deixe seu comentáriox
()
x
Enable Notifications    Ok No thanks