out 20 2008

DealExtreme: Carro de Controle Remoto Modelo Rally Subaru WRC2006 (Subaru WRC2006 Remote Controlled R/C Rally Model Car)

Hoje estou fazendo o review do primeiro produto comprado na DealExtreme e que foi tributado pela Receita Federal, o que até que demorou se considerarmos que estamos no país dos impostos, dos políticos corruptos e das leis que protegem apenas bandidos. O produto em questão é um carrinho de controle-remoto, o Subaru WRC2006, modelo Rally (Subaru WRC2006 Remote Controlled R/C Rally Model Car), comprado por 29,39 dólares americanos, que na época equivalia a R$ 53,97 (dólar custando cerca de R$ 1,84), o que é um bom preço se consideramos que é um carrinho da Auldey, cuja série Race-Tin geração 3 (Race-Tin gen3) é aclamada no mundo todo (veja aqui) pelos preços acessíveis e alta qualidade. Os carrinhos dessa série são todos licenciados pela Subaru e demais fabricantes (Audi, Mercedez-Benz, BMW, Suzuki, Toyota, Honda, Lexus, Citröen, Mitsubichi, Peugeot, etc.). Este Subaru é o modelo LC296650, segundo o catálogo 2008 da Auldey (cuidado ao ver o catálogo, dá vontade de ter a coleção toda :)). Não consegui encontrar nenhum carrinho da Auldey no Brasil, mas modelos semelhantes de marcas desconhecidas custam na faixa de R$ 150,00.

Nesse post falarei primeiramente do histórico da compra e as idas e vindas ao correio, e depois sobre o produto em si. Então vamos à história: a compra foi realizada no dia 11/09/2008, enviado no dia 12/09/2008 e chegou no Brasil em 17/09/2008. Alguns dias depois, pelo rastreamento já dava para perceber que o produto havia sido tributado pela frase que denunciava: “Em trânsito para CORREIOS-ENCAMINHADO EMIS NTS/TRIBUTADO/XX”, e a partir daí já não havia nada a fazer a não ser aguardar para verificar o tamanho da mordida do leão. E a mordida foi grande, no dia 26/09 chegava o aviso dos Correios com o valor de R$ 80,47, muito acima dos 60% estabelecidos por lei (chegava a 150%) pois assumiram que o valor do produto era 70 dólares americanos, certamente por não acreditarem no valor declarado pela DealExtreme, de apenas 35 dólares de Hong Kong (que não dá nem 10 dólares americanos) e chutaram um valor qualquer, e como sempre, um valor absurdamente alto, mas nem dava para esperar nada melhor desse povo que vive fazendo greve.

Comparei então na agência dos correios onde o produto estava no dia 30/09 para fazer um pedido de reexame do tributo, já levei os comprovantes para anexar: cópia do invoice da DealExtreme, cópia do invoice do PayPal, cópia da fatura do cartão de crédito e cópia do anúncio do produto na DealExtreme, todos constando o valor de 29,39 dólares (bem menos que os 70 dólares que eles assumiram). Chegando lá o funcionário me atendeu com a maior má vontade, provavelmente desconhecia os procedimentos, tentou empurrar pra outro funcionário, que empurrou de volta pra ele, ambos ficaram fazendo terrorismo dando a entender que a receita estava certa e que eles poderiam até aumentar o imposto caso eu mandasse de volta, que iria demorar pra voltar e eu ia acabar tendo de pagar multa por atraso (quando é indeferido a data de vencimento não muda e assim se pagar com atraso tem multa). Mas não abri mão do meu direito e exigi o pedido de reexame, me deram o formulário pra preencher e acabaram fazendo como eu pedi, mas não sem antes enrolar por dois dias não sei fazendo o que e só despachar o produto de volta para o reexame no dia 02/10 (não é a toa que alertam para os prazos, eles sabem que eles mesmos irão enrolar além da receita).

O produto foi então para reexame e no dia 18/10 ficou disponível na agência. Liguei lá hoje, 20/10 e informaram o valor do imposto, R$ 38,47. Mais especificamente, meu pedido de reexame foi deferido (aceito) e no dia 13/10 foi emitida uma nova nota de tributação simplificada (NTS), com o valor de R$ 38,47, exatamente 60% do valor do produto considerando a cotação do dólar como R$ 2,1818, valor do dia da emissão da nova NTS. Eu esperava o valor de R$ 32,38 (60% de quanto realmente paguei), mas acabei perdendo R$ 6,00 a mais por conta da variação cambial. Note que a Receita Federal considera sempre o dólar do dia da emissão da NTS, assim o valor cobrado foi 60% de R$ 64,12 (=R$ 38,47) e não de R$ 53,97 (=R$ 32,38) que foi o valor que eu realmente paguei quando o dólar ainda estava baixo.

Lógico que eu preferia que o pacote não tivesse sido tributado, mas fiquei satisfeito por saber que o fiscal que analizou o caso teve bom senso e aceitou meu pedido de reexame, cobrando exatamente o valor estabelecido por lei (uma lei abusiva, mas que infelizmente existe e é cumprida, ao contrário de muitas outras que temos por aqui). Acho que seria mais justo se considerassem o dólar do valor da compra, mas aí acho que já é pedir demais.

Abaixo a tabela de rastreamento do pedido, para quem quiser conferir todos os passos de uma encomenda tributada e que passou por um pedido de reexame, note que ela voltou para São Paulo para ser reexaminada.

DataLocalSituação
18/10/2008 09:57AC RIO CLARO – RIO CLARO/SPAguardando retirada
Endereço: RUA UM, 800 RIO CLARO – CENTRO
17/10/2008 16:54CTE CAMPINAS – VALINHOS/SPEncaminhado
Em trânsito para AC RIO CLARO – RIO CLARO/SP
16/10/2008 14:26GMIMP/CTCI/SPM – SAO PAULO/SPEncaminhado
Em trânsito para CTE CAMPINAS – VALINHOS/SP
07/10/2008 11:24GEEXP/CTCI/SPM – SAO PAULO/SPConferido
04/10/2008 08:50AC RIO CLARO – RIO CLARO/SPEntregue
Recebido por [REMOVIDO] RG: REVISAO DE TRIBUTO
04/10/2008 06:04GMEXP/CTCI/SPM – SAO PAULO/SPEncaminhado
Em trânsito para GMIMP/CTCI/SPM – SAO PAULO/SP
02/10/2008 22:51CTE CAMPINAS – VALINHOS/SPEncaminhado
Encaminhado para CTE JAGUARE – SAO PAULO/SP
02/10/2008 17:25AC RIO CLARO – RIO CLARO/SPEncaminhado
Encaminhado para CTE CAMPINAS – VALINHOS/SP
25/09/2008 10:01AC RIO CLARO – RIO CLARO/SPAguardando retirada
Endereço: RUA UM, 800 RIO CLARO – CENTRO
24/09/2008 16:26CTE CAMPINAS – VALINHOS/SPEncaminhado
Em trânsito para AC RIO CLARO – RIO CLARO/SP
23/09/2008 13:39GEEXP/CTCI/SPM – SAO PAULO/SPEncaminhado
Em trânsito para CTE CAMPINAS – VALINHOS/SP
22/09/2008 07:49GEEXP/CTCI/SPM – SAO PAULO/SPEncaminhado
Em trânsito para CORREIOS-ENCAMINHADO EMIS NTS/TRIBUTADO/XX
17/09/2008 18:52BRASIL – BRASIL/XXConferido
Recebido/Brasil

Imposto pago, produto liberado, é hora de ver algumas fotos: primeiramente o pacote, veja que é uma caixa relativamente grande, o que eu acredito que tenha sido o motivo da tributação, pois foi a primeira caixa que recebi da DealExtreme, e coincidentemente o primeiro pedido tributado. Todos os outros pedidos foram de ítens menores que foram enviados em envelopes, e nenhum deles foi tributado. Aparentemente a Receita Federal abriu o pacote, pois há fita adesiva do correio brasileiro no pacote, além de uma fita que diz “reembalado”. A caixa é a própria caixa do produto, embrulhada com um papel de seda (provavelmente para não riscar o acrílico em que fica o carrinho), um plástico bolha por cima do papel de seda e o papel pardo por cima de tudo. No canto superior direito vemos um adesivo dos correios falando sobre o tributo. Na etiqueta de descrição do produto temos “Special Services, R/C Cars”, eu acho que a DealExtreme deveria deixar o comprador personalizar essa descrição, pois é realmente desnecessário colocar esse “Special Services”, que se refere ao Drop-Shipment (tirar o nome da loja do pacote), pois só serve pra causar curiosadade no fiscal que pode ficar pensado “o que será o serviço especial que tem aqui dentro?”. Além disso “R/C Cars” no plural também queima o filme, é um carrinho só, poderia ser descrito apenas como “R/C Car” ou “Toy”, ou ainda “Hobby” (que foi a descrição usada pela Receita Federal na NTS), apesar que essa última deve chamar mais a atenção do que Toy no caso de carros de controle remoto, já que os considerados brinquedos costumam ser mais baratos, enquanto que os Hobby podem custar bem mais.

Pacote da DealExtreme, tributado

Pacote da DealExtreme, tributado

Caixa vista de lado, relativamente grande

Caixa vista de lado, relativamente grande

A caixa sobreviveu com alguns pequenos amassados nas bordas, e o carrinho na caixa acrílica, apesar de fixado na base, não resistiu aos maus-tratos dos Correios e desencaixou a parte superior (“lataria”) da parte inferior (que contém o motor, eixos, etc.), como pode ser visto pela traseira levantada. Demorei um pouco para conseguir reencaixar, mas acabou dando tudo certo. Aqui a caixa do carrinho em vários ângulos (todas as fotos desse blog podem ser vistas em “king size” clicando sobre a foto para vê-la na galeria em 800×600 e clicando novamente na galeria para vê-las em 3072×2304):

Caixa do Subaru Impreza WRC2006 da Auldey

Caixa do Subaru Impreza WRC2006 da Auldey

Caixa do Subaru Impreza WRC2006 da Auldey, de tanto chacoalharem nos Correios ele acabou com a traseira desencaixada, apesar de estar bem preso a base da caixa acrílica

Caixa do Subaru Impreza WRC2006 da Auldey, de tanto chacoalharem nos Correios ele acabou com a traseira desencaixada, apesar de estar bem preso a base da caixa acrílica

Lateral da caixa do Subaru

Lateral da caixa do Subaru

E a outra lateral, que destaca algumas características do carrinho, como a suspensão, as luzes e a antena oculta

E a outra lateral, que destaca algumas características do carrinho, como a suspensão, as luzes e a antena oculta

E após a caixa aberta, temos o carrinho ainda preso à base e o controle remoto no formato revólver (que permite controlá-lo com apenas uma mão):

Subaru em sua base e o controle remoto tipo revólver, ao fundo

Subaru em sua base e o controle remoto tipo revólver, ao fundo

O carrinho me surpreendeu positivamente, por utilizar apenas 2 pilhas AA (3V), eu achei que ele fosse ser fraquinho, lento, até porque tenho um outro carrinho maior que usa 8 pilhas AA (12V) e corre bastante, imaginei que com apenas 1/4 disso o carrinho fosse ser um tanto lento. Mas para a minha surpresa ele é bastante leve (escala de 1:28) e conseqüentemente bastante rápido (7 Km/h segundo a especificação), ele chega a patinar no piso liso com relativa facilidade. Apesar de o acelerador ser digital (creio que nenhum carrinho na categoria “brinquedo” tenha acelerador analógico) é fácil controlá-lo porque ao acelerar ele sai relativamente devagar e vai “embalando” aos poucos. Vale destacar que muita gente compra carrinhos da Auldey para fazer modificações, e uma das preferidas do pessoal é colocar uma pilha extra, como as pilhas recarregáveis tem “apenas” 1,2V, pode-se colocar 3 delas para totalizar 3,6V e conseguir ainda mais velocidade (dizem que o motor foi feito para suportar 3,6V). Observação: apesar de as pilhas recarregáveis usarem 1,2V contra 1,5V das pilhas alcalinas, essas últimas só tem essa tensão quando são novas, mas rapidamente a tensão vai diminuindo e ficando cada vez menor ao longo da vida útil da pilha, enquanto que as pilhas recarregáveis costumam manter sua carga nominal durante toda a carga e apenas decaem rapidamente quando a carga acaba.

O acabamento do carrinho também me surpreendeu, o plástico ABS é pintado com uma tinta metálica, dando um visual muito bom, e os decalques são realmente decalques, e parecem muito bem aplicados, tem que olhar de perto para ver as bordas transparentes em alguns desenhos, e creio que eles não vão sair com o tempo. Carrinhos dessa categoria e preço normalmente usam adesivos comuns que amarelam e descolam com o tempo, então os decalques foram uma surpresa bem agradável. A antena do carrinho é oculta, o que dá um aspecto mais real à ele, já que as anteninhas dos carrinhos costumam ser desproporcionais e afetam um pouco seu potencial como miniatura fiel, por outro lado a falta da antena externa deve prejudicar um pouco o alcance.

Subaru Impreza WRC2008 da Auldey

Subaru Impreza WRC2006 da Auldey

Subaru Impreza WRC2006 da Auldey

Subaru Impreza WRC2006 da Auldey

Subaru Impreza WRC2006 da Auldey, visto de frente

Subaru Impreza WRC2006 da Auldey, visto de frente

Subaru Impreza WRC2006 da Auldey, visão da traseira

Subaru Impreza WRC2006 da Auldey, visão da traseira

Visão aérea do Subaru Impreza WRC2006 da Auldey

Visão aérea do Subaru Impreza WRC2006 da Auldey

A tração do carrinho é nas rodas traseiras, todas as rodas contam com sistema de amortecimento. Outro grande ponto positivo é que esse carrinho conta até mesmo com um diferencial, os chineses da Auldey foram bem caprichosos no projeto desse carrinho. Os faróis acendem quando o carrinho está indo para a frente e as lanternas traseiras acendem quando o carrinho está andando em marcha à ré. Também é possível ajustar o alinhamento das rodas dianteiras. Um selo indica a freqüência: 27,145 MHz, é preciso estar atento à isso ao usar mais de um carrinho no mesmo ambiente. Também há um selo que aparentemente indica a data de fabricação do carrinho, nesse caso, maio de 2008. A posição das duas pilhas parece ser estratégica para dar mais estabilidade ao carrinho:

Parte de baixo do Subaru Impreza WRC2006 da Auldey

Parte de baixo do Subaru Impreza WRC2006 da Auldey

O controle remoto modelo revólver permite controlar o carrinho utilizando apenas uma mão, ou alternativamente usando as duas mãos. O volante é emborrachado, facilitando o controle apenas com o polegar. O controle também utiliza 2 pilhas AA, e não tem chave de liga/desliga, o led acende apenas quando o volante ou o acelerador é pressionado, então aparentemente ele não consome nenhuma energia quando nada está sendo pressionado e não envia sinal nenhum, ao contrário de outros modelos que enviam sinal também para indicar que o carro deve ficar parado. Ele vem acompanhado de uma antena telescópica e tem alcance nominal de 15 metros, um pouco baixo na minha opinião, mas dá para brincar bem em ambientes não tão grandes.

Controle Remoto do Subaru Impreza WRC2006 da Auldey

Controle Remoto do Subaru Impreza WRC2006 da Auldey

Na parte de trás do controle remoto temos o logotipo da Auldey e mais um selinho indicando a freqüência:

Controle Remoto do Subaru Impreza WRC2006 da Auldey

Controle Remoto do Subaru Impreza WRC2006 da Auldey

E para completar o review, deixo um videozinho do carrinho em funcionamento:

E assim completo o review do Subaru Impreza WRC2006 adquirido na DealExtreme. Se você também quiser fazer suas compras na DealExtreme, direto de Hong Kong, clique aqui e boas compras.

Link permanente para este artigo: https://www.skooterblog.com/2008/10/20/dealextreme-carro-de-controle-remoto-modelo-rally-subaru-wrc2006-subaru-wrc2006-remote-controlled-rc-rally-model-car/

Deixe um comentário

16 Comentários em "DealExtreme: Carro de Controle Remoto Modelo Rally Subaru WRC2006 (Subaru WRC2006 Remote Controlled R/C Rally Model Car)"

Notificar sobre
avatar
Ordenar por:   mais novos | mais velhos | mais votados
wpDiscuz