[Review] SD2SNES Pro Deluxe (FXPAK Pro) – Stone Age Gamer

O SD2SNES Pro Deluxe foi adquirido na Stone Age Gamer. Trata-se de uma nova versão do SD2SNES, que eu mostrei aqui em 2013, com hardware atualizado e mais poderoso. É um cartucho para o Super Nintendo (SNES) que permite executar quase todos os jogos do console a partir das imagens das ROMs, armazenadas em um cartão microSD.

Ele implementa em sua FPGA inclusive os chips de expansão do Super Nintendo, como Super FX, SA-1 e a série DSP. Apenas 3 chips ainda não foram implementados: SPC7110, ST-010, e ST-011, usados em apenas 5 jogos, todos lançados apenas no Japão. Além disso, o SD2SNES Pro também implementa um chip de expansão que permite usar áudio com qualidade de CD e vídeos em jogos de Super Nintendo, possibilitando executar alguns hacks que dão uma ideia de como seria o CD-ROM do Super Nintendo, se ele tivesse sido lançado.

A versão Deluxe da Stone Age Gamer inclui a caixinha, manual de instruções colorido, e adesivos. O cartucho tem acabamento de primeira qualidade e opção para instalação de dutos para a luz dos 3 LEDs que indicam o status do cartucho.

FXPAK Pro – o novo nome do SD2SNES Pro

O SD2SNES Pro Deluxe foi renomeado para FXPAK Pro pouco tempo após a minha compra. A mudança foi feita pelo Krikzz, que fabrica as placas, e ocorreu para evitar problemas legais, pois a sigla “SD” aparentemente é propriedade intelectual da SD-3C, companhia formada por Panasonic, Sandisk, e Toshiba. Portanto, usar a sigla em produtos ligados a cartões de memória não é uma boa ideia.

O Krikzz também aproveitou a mudança para remover a sigla SNES, e assim também se prevenir de eventuais problemas legais com a Nintendo. Muita gente não gostou da mudança e muitos outros nomes foram sugeridos, mas “FXPAK Pro” prevaleceu. Na prática é o mesmo produto, apenas com um novo nome.

De qualquer forma fico feliz de ter feito a aquisição pouco antes da mudança, sem estar ciente de que ela ocorreria, e ter meu cartucho com o nome clássico, pelo qual ele provavelmente continuará sendo chamado informalmente.

Motivação

Quando o SD2SNES Pro foi anunciado há um ano, como noticiei aqui no Skooter Blog, não fiquei muito ansioso para o upgrade, e deixei-o com baixa prioridade na minha wishlist.

A razão disso é que apesar do hardware mais poderoso, o único recurso exclusivo do SD2SNES Pro é a possibilidade de usar os chips de expansão SA-1 e MSU-1 ao mesmo tempo. A FPGA do SD2SNES original não tem espaço para os dois executarem ao mesmo tempo. Com os dois juntos, é possível executar os hacks de jogos que usam o SA-1 com áudio com qualidade CD.

Note que essa diferença é a que existe entre a última versão do SD2SNES original, a rev. J, e o SD2SNES Pro. Mas a minha versão ainda é a Rev. E, a primeira que foi lançada comercialmente. Então para mim as diferenças são maiores.

Depois da Rev. E veio a Rev. F que resolveu alguns problemas relacionados com interferências em Super Nintendos modelo 1CHIP (não sei exatamente quais interferências). Em seguida a Rev. G aumentou o volume do MSU-1, que é muito baixo nas versões anteriores, porém a modificação adicionou ruído. Por fim, a Rev. H acrescentou um op-amp para resolver de vez os problemas com o MSU-1.

Mais tarde ainda vieram as Rev. I e Rev. J. Não sei exatamente o que mudou em cada uma, mas uma das mudanças foi que o slot de cartão SD foi substituído por um slot de cartão microSD.

Então no meu caso, o upgrade para o SD2SNES Pro trouxe não apenas a possibilidade usar SA+MSU-1 juntos, mas também me trouxe um áudio MSU-1 de maior qualidade. Note que o áudio MSU-1 é passado para o Super Nintendo, e mesmo para o Analogue Super Nt, de modo analógico, pois não há um canal digital para isso. Então esse upgrade é bem-vindo e faz uma boa diferença na qualidade de áudio.

Para mim também acabaram sendo upgrades os dutos para a luz dos LEDs e os adicionais da versão da Deluxe da Stone Age Gamer. Isso tudo já estava disponível no SD2SNES original da Stone Age Gamer, mas não no meu que foi comprado de outra loja.

Toda essa motivação era relevante, mas ainda deixava o SD2SNES Pro longe do topo na minha lista de prioridades. O empurrão final para a compra veio com a promoção de Black Friday da Stone Age Gamer, em que todos os cartuchos FPGA ficaram com um bom desconto.

É claro que também são esperados novos recursos que só serão possível no SD2SNES Pro, por conta da sua FPGA mais poderosa. Uma possível implementação do Game Boy, como no acessório Super Game Boy é uma das mais comentadas, e tecnicamente é possível. Mas nunca compro um produto contando com seu potencial futuro, só compro se o que ele já oferece desde o início vale a pena. Assim evita-se frustrações caso as expectativas não se concretizem. Se depois vieram novidades, considero-as um bônus.

Escolha do SD2SNES Pro Deluxe da Stone Age Gamer

Muita gente prefere comprar o SD2SNES Pro no Brasil, pagando bem mais caro, por não querer se arriscar com possíveis impostos. Outros preferem comprar versões simples em lojas europeias que são um pouco mais baratas. Mas eu acho muito mais vantajoso comprar as versões Deluxe da Stone Age Gamer, e vou explicar o motivo.

Acabamento

O acabamento dos cartuchos da Stone Age Gamer é diferenciado. O meu SD2SNES original usa um cartucho que provavelmente foi canibalizado de algum jogo pirata. O recorte para a entrada de cartão, para o USB e para os conectores dos pinos extras dos chips de expansão parecem ter sido feitos com estilete. Também não há dutos para visualizar a luz dos LEDs de status.

Os cartuchos da Stone Age Gamer são moldados, já tem todos os orifícios necessários e acabamento de ótima qualidade. É possível acrescentar os dutos para a luz dos LEDs, como eu fiz. O produto tem uma aparência bem profissional.

Escolha do Formato, Cores, etc.

A Stone Age Gamer é a única loja que permite escolher entre o formato japonês/europeu ou norte-americano. Também é possível escolher as cores dos cartuchos, dos parafusos, etc. Há inclusive versões translúcidas para quem prefere um visual mais moderno.

Extras

A caixinha com encarte, manual, etc. dão um charme a mais para os produtos da Stone Age Gamer. Estou pra vender o meu Master Everdrive original há algum tempo. Não preciso mais dele pois já tenho o Master Everdrive X7. Só não vendi ainda porque gosto muito da arte da Stone Age Gamer no Master Everdrive original, com a caixinha branca quadriculada, relembrando o estilo original dos primeiros jogos de Master System.

Sei que é bobagem, mas eu não tenho nenhum cartucho de Master System naquela caixinha original da época. Não tive na minha infância, não tenho agora. O Master Everdrive é o único cartucho que tenho a caixinha com aquela estética. Por conta disso não abri mão dele ainda.

Frete

As lojas europeias que enviam para o Brasil, costumam faze-lo por carta registrada, ou seja, temos que pagar duas vezes: o frete e a maldita taxa de despacho postal para o Correios. Comprando na Stone Age Gamer não tem taxa de despacho postal, e usando o frete mais barato nunca tive que pagar imposto. Eles sempre colocam um valor baixo no formulário alfandegário.

Garantia

Este é provavelmente o item mais importante e negligenciado. É raro que um cartucho FPGA apresente defeito, mas acontece. Aconteceu com o meu Mega Everdrive X7, e o que me salvou foi a garantia de 3 anos das versões Deluxe da Stone Age Gamer. Se tivesse comprado em outro lugar, poderia ter ficado no prejuízo.

Compra do SD2SNES Pro Deluxe da Stone Age Gamer

Fiz a compra do SD2SNES Pro Deluxe na promoção da Black Friday, como já comentei. Eu tinha algum crédito no meu cartão da Payoneer e resolvi usa-lo.

Não dá para usar dois cartões na Stone Age Gamer, mas dá para fazer uma pequena gambiarra: a loja aceita cartões de presente da Amazon dos EUA em seu valor original, sem qualquer desconto. Então basta comprar um cartão de presente na Amazon com o primeiro cartão e aplica-lo na conta da Stone Age Gamer, trocando-o por crédito na loja. Aí é só fazer a compra e pagar o valor restante com o segundo cartão.

Com a promoção, o SD2SNES Pro Deluxe saiu por US$ 185,00. A versão Deluxe saiu por apenas US$ 5,00 a mais, e paguei mais US$ 10,00 pelos dutos dos LEDs, totalizando US$ 200,00.  O frete ficou por US$ 17,99.

Não optei por cartão microSD, pois é mais barato compra-los na AliExpress, como eu fiz e já mostrei aqui no Skooter Blog.

Comprando na Stone Age Gamer ainda ganhamos um pacote de jogos gratuitos, mas lembre-se de baixa-lo nos primeiros 30 dias após a compra, pois o link expira.

Unboxing e Testes

Como de praxe, a Stone Age Gamer enviou o pedido em uma caixinha personalizada, valor declarado de US$ 20,00, mas com a invoice completa no lado de fora da caixa. Sempre há um risco de ela ser examinada, mas nunca aconteceu. Confira as fotos do unboxing e testes do SD2SNES Pro Deluxe:

Como de praxe, o acabamento da Stone Age Gamer veio impecável. Como o cartão microSD já estava preparado, parti logo para o primeiro teste. Mas aí percebi que fiz uma bobagem e não formatei o cartão como FAT32. O SD2SNES Pro não suporta o formato exFAT e eu já sabia disso, mas esqueci de formata-lo antes de copiar os arquivos. Precisei reformatar o cartão e copiar os dados novamente. Levou mais algumas horas, mas deu tudo certo.

Depois disso fiz o primeiro teste do SD2SNES Pro Deluxe, que transmiti ao vivo no canal do Skooter Blog no YouTube. Confira:

Problemas com o Analogue Super Nt

Note que o SD2SNES Pro Deluxe apresenta alguns problemas quando usado no Analogue Super Nt. Eventualmente o menu é carregado com glitches, e o menu “Browser Settings” não carrega. Conversei com o Ikari, criador do SD2SNES Pro, e fiz alguns testes de diagnósticos. Ele acha que o problema está relacionado com o CIC, que é o sistema que impede a execução de jogos não-licenciados no Super Nintendo original. Ambos SD2SNES Pro e Analogue Super Nt implementam o sistema, mas não estão se entendendo direito em sua execução.

Acredito que o problema será resolvido em futuras versões do firmware do SD2SNES Pro ou do Analogue Super Nt, mas por enquanto a “solução” é configurar o Analogue Super Nt para carregar o cartucho diretamente ao ser ligado. Fiz testes com  o console mostrando a animação de introdução da Analogue e depois carregando o cartucho e também funcionou. O que não funciona é entrar no menu e depois carregar o cartucho. Isso se aplica também nos diagnósticos. Se carregar o menu primeiro, eles falham. Se carregar o cartucho primeiro, tudo corre perfeitamente. Note que no Super Nintendo original o SD2SNES Pro também funcionou sem quaisquer problemas.

MSU-1

Testei vários jogos no SD2SNES Pro Deluxe e ele funcionou sem problemas. Testei principalmente jogos MSU-1, nos quais o SD2SNES Pro Deluxe faz a maior diferença para mim. Confesso que nunca havia me interessado muito por eles, e até por isso adiei bastante a compra. Acho que é um recurso muito interessante de se ver, principalmente conhecendo a história e sabendo que foi por pouco, e até protótipos existiram. Se Nintendo e Sony tivessem se entendido, o Super Nintendo teria um CD-ROM de verdade. Mas sempre pensei: não é assim que eu me lembro desses jogos, isso é legal e tal, mas para jogar para valer eu quero o som original, com suas virtudes e defeitos.

A falta de um pacote com todos os jogos MSU-1 também me afastava do recurso. Ficar baixando e aplicando os patches, etc. em cada jogo é um tanto trabalhoso. Mas para testar bem o SD2SNES Pro Deluxe acabei baixando todos os jogos que encontrei no Super Nintendo para Sempre! e mais um torrent, em um total de 218 jogos MSU-1, incluindo diferentes versões.

Ainda estou longe de testar todos eles, mas dos que vi até agora, gostei bastante do Top Gear MSU-1 – (Rock And Roll Remix). Quando a trilha sonora foge muito da original eu não costumo apreciar, mas esse remix é fantástico.

Ainda vou testar todos os jogos MSU-1 para ver quais mais valem a pena. Particularmente gosto da ideia de se usar o MSU-1 para manter a trilha sonora o mais próxima do original possível, mas refeita usando samples de maior qualidade, que muitas vezes não eram possíveis na época por conta dos altos custos dos chips de ROM. Aí fica praticamente uma remasterização com maior qualidade, em vez de uma trilha com instrumentos diferentes.

Rastreamento

O pacote foi enviado na modalidade “First-Class Package International Service” e “International Letter”, cujo código inicia com UA e termina com US. Ele tem um rastreamento bem incompleto, mostrando apenas alguns passos nos EUA rastreando pelo USPS. Rastreando pelo Correios apareceu apenas a entrega, mas as vezes não aparece nem isso.

Estas são as informações de rastreamento do pacote, obtidas no site da USPS:

December 10, 2019, 3:57 pm
Arrived at USPS Regional Facility
CHICAGO IL INTERNATIONAL DISTRIBUTION CENTER
Your item arrived at our USPS facility in CHICAGO IL INTERNATIONAL DISTRIBUTION CENTER on December 10, 2019 at 3:57 pm. The item is currently in transit to the destination.


December 10, 2019, 3:20 am
Departed USPS Regional Facility
WARRENDALE PA DISTRIBUTION CENTER


December 10, 2019, 3:20 am
Arrived at USPS Regional Facility
WARRENDALE PA DISTRIBUTION CENTER


December 9, 2019, 4:46 pm
USPS picked up item
SALEM, OH 44460

Estas são as informações de rastreamento do pacote, obtidas no site do Correios:

09/01/2020
13:43
Objeto entregue ao destinatário
09/01/2020
10:25
/ SP
Objeto saiu para entrega ao destinatário

Tabela-Resumo

Confira a tabela-resumo da compra:

Nome do Produto: SD2SNES Pro Deluxe
Nome Original: SD2SNES Pro Deluxe
Loja: Stone Age Gamer
Valor: US$ 200,00
Valor atual: US$ 234,99
Forma de Pagamento: Cartão de Crédito Payoneer Mastercard + Cartão de Crédito Mastercard Internacional
Tipo de Frete: Flat Rate (Basic Int’l – 14 to 45 Days)
Valor do Frete: US$ 17,99
País de Origem do Pacote: Estados Unidos
Data de Compra: 30/11/2019
Data de Envio: 09/12/2019
Data de Entrega: 09/01/2019
Tempo em Trânsito: 31 dias
Conteúdo Declarado: video game accessory
Tipo de Conteúdo Assinalado: Merchandise
Valor Declarado: US$ 20,00
Tributado: Não
Valor Tributável:
Valor do Imposto:

Considerações Finais

Acho que para muitos leitores a grande questão é: Vale a pena fazer o upgrade do SD2SNES original para SD2SNES Pro Deluxe? E a resposta não poderia ser outra senão um depende!

Depende de qual revisão do SD2SNES original você possui e de quão interessado você está em usar os hacks MSU-1 + SA-1. Se você não tem interesse em MSU-1, pode adiar a compra. Porém, se você tem interesse em MSU-1 + SA-1, ou mesmo apenas no MSU-1 mas tem uma revisão do SD2SNES original antiga (Rev. G ou mais baixa), aí vale a pena atualizar ou então fazer o mod para atualizar o circuito de áudio.

Atualizar apenas esperando por recursos futuros que nem se sabe se realmente virão? Não me parece muita vantagem, mas como os preços praticados no Brasil são altos, tem muita gente vendendo o SD2SNES original por mais do que eu paguei pelo SD2SNES Pro.

E quem ainda não tem nenhum deve comprar qual? O SD2SNES Pro é o único em produção pelo Krikzz, que já descontinuou o SD2SNES original. Mas se o orçamento estiver baixo, um SD2SNES original usado também suporta todos os jogos oficiais do Super Nintendo, exceto por aqueles cinco que o SD2SNES Pro também não suporta. Deve atender perfeitamente quem não tem interesse nos possível recursos futuros do SD2SNES Pro. Só é bom conferir a revisão caso haja interesse no MSU-1.

Outra opção para SD2SNES original são os SD2SNES chineses. O anúncio diz serem a Rev. H. Não tem suporte do Krikzz nem do Ikari, naturalmente, e o controle de qualidade talvez não seja tão bom. Mas muitos compram e ficam satisfeitos. Note que tanto o software quanto o hardware do SD2SNES são de código aberto, então os chineses podem construir o hardware de maneira idêntica legalmente.

Eu gostei da atualização, pois já pretendia adquirir um SD2SNES da Stone Age Gamer antes mesmo do anúncio da versão Pro, apenas pelas revisões. Só não era prioridade, então era algo que eu sempre fui adiando, o que acabou sendo vantajoso.

Compartilhe o artigo com seus amigos se você gostou 😉 . O Skooter Blog precisa de sua ajuda na divulgação para continuar existindo.

Link permanente para este artigo: https://www.skooterblog.com/2020/02/02/review-sd2snes-pro-deluxe-fxpak-pro-stone-age-gamer/

5
Deixe um comentário

avatar
3 Comment threads
2 Thread replies
59 Seguidores
 
Comentário com mais reações
Hottest comment thread
3 Autores de comentários
NILO HENRIQUE MARTINS BRAGASkooterdisqus_dPVYyLnTVx Autores de comentários recentes
  Inscrever  
mais novos mais velhos mais votados
Notificar sobre
Membro

Parabéns pela aquisição! Realmente o nome SD2SNES é muito mais bonito que FXPAK PRO! Aconselho você pegar as roms hacks que são muito legais!
Eu tenho um SD2SNES rev. J , então eu não preciso trocá-lo pro PRO por enquanto né? Abraços!

trackback

[…] [Review] SD2SNES Pro Deluxe (FXPAK Pro) – Stone Age Gamer […]

NILO HENRIQUE MARTINS BRAGA
Visitante
NILO HENRIQUE MARTINS BRAGA

Com relação a loja stoneage, vc pediu para botarem um valor mais baixo ou eles já poe de praxe. Os nossos impostos deixam estes itens proibitivos pra gente. Se possível me passe por email a conversa com eles caso tenha que pedir. Desde já obrigado, inclusive pelo blog que sempre vejo para novidades retrogamer.

×